O que é OKR – A metodologia do Google para atingir resultados

O post de hoje é um convite para você conhecer a fundo o que é OKR – Objectives and Key Results. Essa é uma metodologia voltada a gestão de negócios que foi desenvolvida por Andrew Grove, ex-CEO da Intel Corporation, e popularizada desde que foi implementada pelo Google.

A essência desse método tem por objetivo otimizar a execução de tarefas que, em princípio, parecem extremamente banais, simples de serem executados, mas que na realidade apresentam inúmeros problemas no dia das organizações.

Ao estabelecer ciclos bem delimitados para todas as atividades, o que envolve um monitoramento constante dos resultados observados e vinculação de objetivos de curto prazo a cada uma delas, a OKR guarda como promessa uma melhora significativa na forma como seu negócio é gerido.

Continue a leitura e saiba mais!

O que é OKR – Objectives and Key Results?

Como vínhamos falando, a metodologia OKR se mostra como uma grande ferramenta a serviços da gestão empresarial. E, ao contrário do que muitos podem pensar, qualquer organização, seja ela uma grande multinacional ou um pequeno negócio familiar, pode se valer dos benefícios da implementação da OKR.

E, para melhor exemplificar as aplicações da OKR, vamos tratar de seus objetivos, que se resumem, basicamente, a relação exposta no próprio nome – objectives and key results – em outras palavras, temos objetivos vinculados a chaves de resultados. Vejamos um exemplo para que tudo fique mais claro.

Um escritório de contabilidade começa a investir em presença digital em busca de captar mais clientes. Suponhamos que o objetivo da empresa, em um primeiro momento, seja tornar-se referência na região onde está localizada na oferta de soluções B2B, como planejamento tributário e gestão de fluxo de caixa.

Para se chegar a esse objetivo por intermédio da metodologia OKR, vários pequenos objetivos serão estabelecidos e a eles, como já anunciado, estarão vinculados a metas. Vejamos, na prática, como isso deve funcionar:

  • Objetivo:  tornar-se referência na região onde está localizada na oferta de soluções B2B por intermédio do marketing digital
  •  Metas OKR:
  1. Ranquear 5 palvras-chaves em, pelo menos, três primeiras posições no Google;
  2. Aumentar a taxa de abertura de e-mails provenientes de newsletter em 30%;
  3. Aumentar a taxa de conversão de leads em 15%

Artigo: O que é um KPI e por que ele é essencial para sua empresa?

Condicionantes para os objetivos e metas

Os objetivos de maneira geral devem conter metas desafiadores para organização como um todo. Ao mesmo tempo, deve se referir a algo memorável e que seja capaz de engajar sua equipe.

As metas (key results), por sua vez, devem ser facilmente quantificáveis, de modo que quem esteja responsável por monitorá-las saiba observar facilmente se as entregas necessárias estão sendo feitas. Além disso, não convém estabelecer mais que cinco metas, dado as dificuldades de se trabalhar em várias frentes ao mesmo tempo.

Organização em top-down e bottom-up

O sucesso da implementação da OKR passa, necessariamente, pela estruturação das metas e objetivos que mobilizem todo o quadro funcional da organização e não somente os colaboradores que ocupem cargos diretivos.

Quando as deliberações para essa metodologia parte “de cima para baixo”, classifica-se a estrutura em top down. Por outro lado, quando a uma discussão por toda a estrutura da organização, algo que envolva a maioria das equipes de trabalho, dá-se o nome de bottom-up –  “de baixo para cima”.

Especialistas em OKR apontam que uma proporção adequada para escolha dos objetivos e metas seria algo na proporção de 40% de decisões “top down” e  60% em “bottom up”. Tal divisão faria com que um núcleo duro da empresa elencasse prioridades estratégicas para o futuro da organização, ao mesmo tempo que todo o conjunto dos colaboradores não fique de fora da maioria das decisões.

Vantagens de se adotar a metodologia OKR

Agora que você já sabe o que é OKR e quais suas aplicações, podemos trazer uma espécie de resumo sobre as principais vantagens em se adotar essa metodologia. Confira:

Segmentação de tarefas para otimização de resultados

A situação de se trabalhar com pequenos ciclos de atividades traz a grande vantagem de se poder monitorar constantemente resultados e promover eventuais intervenções em sua estratégia, caso algo esteja fora do esperado.

Aplicabilidade a todas as realidades

Como já mencionado, a OKR pode ser aplicado a organizações de diferentes portes e impactar positivamente a gestão da empresa. O esforço que deve ser feito é o de compatibilizar os objetivos e metas a realidade da organização. Afinal, não é nada razoável almejar algo que esteja muito além de suas possibilidades.

Observação de resultados a curto prazo

Outra grande vantagem guarda relação com a possibilidade de se alcançar resultados a curto prazo. Isso se deve ao fato de a OKR se contrapor a ideia de planejamento tradicional, em que todas as atividades devem obedecer a um cronograma extremamente rígido e enquadrado em grandes ciclos.

OKR x Planejamento estratégico

Uma dúvida comum quando o assunto é o que é OKR tem a ver com uma confusão com o conceito de planejamento estratégico. Afinal, estamos falando da mesma coisa?

Certamente, não. Isso porque o planejamento estratégico se propõe a empreender um esforço de planejamento mais amplo e com maiores pretensões, o que envolve tratar de questões como:

  • elaboração de um programa de ações;
  • definição de estratégias;
  • análise do cenário;
  • definição de objetivos.

Perceba que alguns pontos convergem com a metodologia OKR, porém, a forma de se executar as atividades apresenta diferenças significativas. A ideia de ciclos de curta duração, por exemplo, voltada a segmentar tanto quanto for possível as etapas de execução das atividades, não está contemplada pelo planejamento estratégico.

Outro ponto de divergência passa pela definição do planejamento que, sob a perspectiva do planejamento estratégico, deve ser feito, necessariamente, pelas principais lideranças da organização, sem passar pelas demais instâncias.

E o que não estaria contemplado pelo OKR e está pelo planejamento estratégico? Basicamente, seria a compatibilização de oportunidades oferecidas pelo ambiente externo a atuação da organização.

E aí, conseguiu compreender o que OKR e quais as possibilidades dessa metodologia? Conte para gente nos comentários o que você achou!

2019-01-17T13:09:50-02:00