Principais motivos de multas aplicadas em empresas exportadoras e importadoras 

A complexidade das operações de importação e exportação exige uma atenção minuciosa aos detalhes e o cumprimento rigoroso das regulamentações em vigor. Qualquer erro, por menor que seja, pode resultar em multas significativas e outros prejuízos para as empresas de comércio exterior.  

Neste texto, exploraremos os principais motivos que levam empresas a enfrentar penalidades no contexto do comércio exterior e forneceremos dicas essenciais sobre como evitá-las. 

[Artigo]: Invoice o que é, como funciona e Modelo GRATUITO

Principais motivos de multas na importação e exportação

A importação é uma das áreas mais suscetíveis a multas, exigindo que as empresas mantenham um compliance bem estruturado para minimizar riscos.

Muitas dessas multas ocorrem devido a erros nas informações apresentadas nos documentos relacionados às operações.

Veja abaixo algumas das principais causas de multas!

[Artigo]: O funcionamento do Automatic Identification System e o rastreamento em alto mar

Comércio Exterior

  Conteúdo com materiais grátis!

ACESSE

Informações inexatas ou omitidas nos documentos de embarque

Erros ou omissões nos documentos de embarque podem levar a penalidades substanciais. Portanto, é crucial garantir que todas as informações estejam completas e precisas. 

[Artigo]: O funcionamento do Automatic Identification System e o rastreamento em alto mar

Uso de falsidade para obter benefícios fiscais

Qualquer tentativa de enganar as autoridades fiscais para obter benefícios fiscais é estritamente punida e resulta em multas pesadas. 

[Artigo]: Como a contabilidade pode otimizar a gestão de estoque em empresas de importação e exportação

Omissão de informações

Deixar de fornecer informações necessárias nos documentos pode resultar em penalidades significativas. 

[Artigo]: Implicações contábeis da variação cambial em operações de importação exportação

Desacato à autoridade aduaneira e obstrução da fiscalização

Qualquer tentativa de dificultar a ação das autoridades aduaneiras ou de desrespeitá-las pode resultar em multas e penalidades. 

[Artigo]: Implicações contábeis da variação cambial em operações de importação exportação

Erro na emissão da nota fiscal de exportação

Erros na emissão da Nota Fiscal de exportação podem levar a problemas sérios e resultar em multas. 

[Artigo]: O custo e a quantidade de impostos podem dificultar a operação de empresas internacionais no Brasil

Erro na unidade de medida estatística

Utilizar a unidade de medida estatística incorreta é um erro que pode resultar em multas. 

[Artigo]: Tributação para empresas de importação

Lista de penalidades

A Receita Federal fornece uma tabela de penalidades comuns, cada uma associada a um motivo específico. Aqui estão alguns exemplos: 

Motivo: Classificação fiscal incorreta 

Base Legal: Art. 711, I, do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: 1% do Valor Aduaneiro (mínimo R$500,00 e máximo 10% do valor total da DI) 

Motivo: Preço declarado diferente do arbitrado 

Base Legal: Art. 703 do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: 100% da diferença apurada 

Motivo: LI deferida após o embarque 

Base Legal: Art. 706, I, b, do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: 30% do Valor Aduaneiro 

Motivo: Importação, como bagagem, de mercadoria com finalidade comercial 

Base Legal: Art. 702, inciso III, alínea “b”, do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: 50% do Imposto de Importação 

Motivo: Ausência de romaneio (packing-list) 

Base Legal: Art. 728, VIII, e, do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: R$500,00 

Motivo: Omitir ou prestar informações inexatas 

Base Legal: Art. 711, III e § 1º, do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: 1% do Valor Aduaneiro (mínimo R$500,00 e máximo 10% do valor da DI) 

Motivo: Quantificação errônea na medida estatística 

Base Legal: Art. 711, II, do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: 1% do Valor Aduaneiro (mínimo R$500,00 e máximo 10% do valor da DI) 

Motivo: Incorreção na Fatura 

Base Legal: Art. 715 do Regulamento Aduaneiro 

Penalidade: R$200,00 por fatura 

[Artigo]: A falta de conhecimento técnico da contabilidade na importação

Retificação de informações errôneas

Quando informações incorretas são identificadas, é crucial realizar retificações o mais rápido possível. No caso de importação, a exatidão dos dados no conhecimento de embarque é fundamental, pois ela guiará todo o processo subsequente. No entanto, é vital estar ciente dos prazos estabelecidos pela Receita Federal e pelas empresas de transporte para evitar custos adicionais e atrasos. 

A multa em si não é o único prejuízo decorrente de erros nos processos de importação e exportação. Além das penalidades financeiras, erros podem resultar em custos adicionais, como armazenagem, demurrage e detention, bem como atrasos na liberação das mercadorias e impactos na reputação comercial. 

[Artigo]: Encontrando profissionais capacitados em comércio exterior

Evitando multas aduaneiras e outros prejuízos

A gestão de riscos desempenha um papel crucial na redução de multas e prejuízos no Comércio Exterior. Aqui estão algumas estratégias essenciais para evitar multas e outros problemas. 

1. Compliance

O compliance envolve procedimentos e processos para garantir o cumprimento das leis e regulamentos na área de atuação. Ter conhecimento técnico não é suficiente; é necessário prestar atenção aos procedimentos comerciais, operacionais, legais, cambiais e aduaneiros. 

2. Comunicação

Muitas multas resultam de falhas na comunicação entre as partes envolvidas. Portanto, é fundamental: 

Garantir que as instruções de envio sejam completas e padronizadas. 

Conhecer os termos técnicos do Comércio Exterior na língua de negociação. 

Cumprir prazos e estar disponível para responder a dúvidas e questões. 

3. Tecnologia

O investimento em tecnologia pode reduzir erros manuais e melhorar o monitoramento do processo. Automatização e o uso de inteligência artificial podem ajudar a identificar erros de digitação e outras inconformidades. 

4. Gerenciamento de risco

A gestão de riscos mapeia pontos críticos e cria ações para mitigar riscos no processo, incluindo as penalidades. Identificar áreas críticas nos documentos e operações é essencial. 

5. Conhecimento da legislação

O conhecimento profundo da legislação aduaneira é fundamental. Manter-se atualizado e ter acesso às fontes legais é essencial para evitar problemas de conformidade.

[Artigo]: Veja a importância do contador para empresas de importação

Conte com um parceiro expert no assunto

A mensagem principal é que a escolha do prestador de serviços mais barato nem sempre é a melhor opção. Cada processo é único e exige planejamento específico e atenção aos detalhes.  

É fundamental optar por um prestador de serviços especializado que tenha conhecimento profundo, respeite os prazos e ofereça soluções inovadoras para garantir o sucesso das operações de importação e exportação. É possível evitar multas no Comércio Exterior com a combinação certa de conhecimento, tecnologia e conformidade. 

Se precisar contar com uma assessoria contábil experiente, capaz de fornecer as melhores estratégias para sua empresa melhorar a performance financeira, conheça agora as soluções da CLM Controller.

Planilha

Modelo de Invoice

BAIXE GRÁTIS

Faça um Upgrade Financeiro:

Fale com a gente!

WHATSAPP CHAT

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 5 =

Ao continuar, você concorda que este site usa cookies apenas para fins estatísticos e funções que aprimoram sua navegação, sem rastreamento pessoal.