Guia Completo para Adesão ao DET (Domicílio Eletrônico Trabalhista)

 

O DET (Domicílio Eletrônico Trabalhista) é uma ferramenta essencial para a comunicação entre a auditoria fiscal e as empresas, proporcionando agilidade e segurança nos processos. Recentemente, o prazo para cadastramento foi prorrogado para MEIs (Microempreendedores Individuais) e empregadores domésticos, destacando a importância de entender o funcionamento e os prazos envolvidos. Neste guia completo, vamos explorar o que é o DET, como acessá-lo e o passo a passo para aderir, além de informações cruciais sobre o cronograma de obrigatoriedade e possíveis penalidades por descumprimento.

 

 

O que é o DET

 

O Domicílio Eletrônico Trabalhista (DET) é um sistema do Governo Federal, administrado pela Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT) do Ministério do Trabalho e Emprego, criado para simplificar a comunicação entre a auditoria fiscal e as empresas. Ele permite o recebimento de notificações, intimações e outros comunicados de forma eletrônica, promovendo maior eficiência e transparência nos processos.

 

[Artigo]: Tudo sobre o INSS para o empresário

 

Domicílio Eletrônico Trabalhista (DET)

 

Como acessar o DET

 

Para acessar o DET, basta utilizar o link oficial det.sit.trabalho.gov.br. É importante ressaltar que o cadastramento é obrigatório para todos os empregadores e entidades sujeitos à Inspeção do Trabalho, independentemente de terem empregados. Além disso, MEIs e empregadores domésticos devem realizar o cadastro até 1º de agosto de 2024, conforme o novo cronograma estabelecido.

 

[Artigo]: Carteira de trabalho digital agiliza as relações de trabalho

 

Passo a passo para adesão

 

  1. Acesse o link oficial do DET: det.sit.trabalho.gov.br.
  2. Preencha os dados cadastrais solicitados, incluindo informações de contato como nome, telefone e e-mail.
  3. Defina uma palavra-chave para garantir a segurança do acesso às notificações.
  4. Após salvar os dados do CPF, proceda para a alteração do perfil para o CNPJ da empresa, caso seja necessário.
  5. Complete o preenchimento dos campos adicionais com os dados da empresa e salve as informações.

 

[Artigo]: Quer saber como calcular as férias dos colaboradores? Acesse.

 

Cronograma de obrigatoriedade do DET

 

  • 09.02.2024: Atualização de cadastro para todos os empregadores e entidades sujeitos à Inspeção do Trabalho.
  • 1º.03.2024: Utilização obrigatória do DET para empregadores e entidades dos grupos 1 e 2 do eSocial.
  • 1º.05.2024: Obrigatoriedade para empregadores e entidades dos grupos 3 e 4 do eSocial, com exceção do MEI.
  • 1º.08.2024: Prazo estendido para MEI e Empregadores Domésticos.

 

Novidade: Domicílio eletrônico trabalhista passa a ser obrigatório

 

Penalidades por descumprimento

 

As empresas que não cumprirem as disposições do DET e ultrapassarem os prazos estabelecidos estão sujeitas a multas que variam de R$ 208,09 a R$ 2.080,91. Portanto, é crucial estar atento aos prazos e realizar o cadastramento dentro do período estipulado.

 

Não saia sem ler: Nota Fiscal Eletrônica para Ouro: quem precisa emiti-la?

 

Conclusão

 

O DET representa uma evolução na comunicação entre a auditoria fiscal e as empresas, proporcionando maior eficiência e transparência nos processos trabalhistas. Com o prazo estendido para MEIs e empregadores domésticos, é essencial que todos os envolvidos estejam cientes dos procedimentos e cumpram com as obrigações estabelecidas. Ao seguir o passo a passo e estar em conformidade com o cronograma, as empresas garantem a segurança jurídica e evitam possíveis penalidades por descumprimento.

 

Planilha de Cálculo

Lucro Presumido

BAIXE GRÁTIS

Planilha de Cálculo

Tributos do Simples

BAIXE GRÁTIS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 2 =

Ao continuar, você concorda que este site usa cookies apenas para fins estatísticos e funções que aprimoram sua navegação, sem rastreamento pessoal.